Uma aposta em uma relação consciente e virtuosa com as finanças. Foi a partir dessa premissa que o Banco XP concebeu e lançou em 2021 seu cartão de crédito com um diferencial, o Investback – uma combinação de cashback e investimentos.

O resultado dessa soma é transformador na vida dos clientes. Prova mais recente disso é o reconhecimento do Cartão XP Visa Infinite como o melhor do mercado na categoria cartão de crédito de cashback, em premiação do portal Passageiro de Primeira. A conquista reflete a motivação de mudar a cultura e a realidade financeira dos brasileiros, que pagam juros que beiram os 400% ao ano no rotativo.

“A ideia sempre foi revolucionar o mercado de cartões de crédito no País da mesma forma que fizemos com investimentos. A partir da escuta atenta das demandas de nossos clientes, percebemos que seria possível driblar as barreiras impostas pelos grandes bancos e proporcionar aos usuários não apenas um percentual do gasto de volta como também a ampliação desse valor”, destaca Ciro Moreira, head de cartões da XP.

Outra meta da empresa, segundo Moreira, é incentivar as pessoas a investirem da melhor maneira. “Justamente por isso, o Cartão XP Visa Infinite tem o Investback como principal diferencial. Nossas pesquisas internas mostram que os clientes com cartão incrementam o volume investido na XP. Nosso desejo é ter uma solução completa para o cliente, e não apenas ofertar um produto ou outro”, diz.

O método é simples: os titulares do cartão recebem de volta parte do dinheiro gasto em um fundo de renda fixa com liquidez diária, criado exclusivamente para este fim, incentivando-os a ampliar seus investimentos. Toda e qualquer compra paga com o cartão tem retorno garantido de pelo menos 1% do valor na forma de investimento. Além disso, a XP tem parcerias com empresas de segmentos diversos e o Investback turbinado pode chegar à marca de dois dígitos. Recentemente, a Super Novembro da XP teve retornos de até 25% no Investback  para compras dentro da Central de Benefícios.

Para a empresa, o Investback permite que o cliente tenha flexibilidade e liberdade para usar o dinheiro em algo que realmente queira e pode, com o tempo, tornar-se uma forma complementar de crescimento do patrimônio.

Para que os clientes possam investir da melhor forma, a empresa também apostou no fim das “pegadinhas” e das cobranças de juros abusivos. Aos usuários são ofertadas diversas iniciativas para evitar que entrem no rotativo como push avisando sobre vencimento da fatura e o débito automático. E, se mesmo assim ocorrerem atrasos, as taxas são consideravelmente menores do que a média aplicada pela concorrência.

Sucesso em números

No primeiro ano do cartão, completados em março deste ano, foram registrados R$ 10,3 bilhões em TPV (Total Payment Volume, ou Volume Total de Pagamentos, em português). No mesmo período, o Banco XP figurou entre os 15 maiores emissores do País, segundo dados do Cardmonitor. Segundo dados mais recentes, de setembro, a base de clientes é de 516 mil pessoas. No total, o volume investido no Fundo Investback é de R$ 167 milhões.

Os usuários têm ainda benefícios adicionais como acesso a mais de mil Salas VIP distribuídas em 450 aeroportos de 140 países; integração com as principais carteiras digitais (como Apple Pay, Google Pay e Samsung Pay); e o direito à emissão de até seis cartões adicionais sem custo. Pelo Aplicativo XP, o cliente pode acompanhar seus gastos, receber atendimento, visualizar sua fatura e acessar a Central de Benefícios, que conta com mais de 50 marcas parceiras e cem mil produtos.

“Antes a pessoa ficava presa a políticas de fidelidade pouco transparentes. Planejava uma viagem e no fim só tinha pontos para trocar por uma torradeira. O sistema era confuso. Com o Cartão XP toda e qualquer compra gera Investback, sempre haverá ganho para o cliente. Quando usado de maneira consciente, o cartão pode passar de vilão do endividamento para um aliado do investidor”, finaliza Moreira.